Vento do Leste

Um mundo literário com doses do cotidiano

Destaques

Imagem de capa do card
[Resenha] Eu Perdi o Rumo, de Gayle Forman

É uma história que une três pessoas que se sentem perdidas, mas que vão descobrir que não estão sozinhas.

Ler o post
Outras postagens
Imagem de capa do card
As 10 capas mais bonitas da minha estante
Ler o post
Imagem de capa do card
Mulheres marcantes na literatura #2
Ler o post

Últimas resenhas

Últimas resenhas

Eu Perdi o Rumo

Editora Arqueiro

Ler o post

O Jardim Esquecido

Editora Arqueiro

Ler o post

Por uma Questão de Amor

Editora Novo Século

Ler o post

Uma noiva para Winterborne

Editora Arqueiro

Ler o post

Uma Dama Fora dos Padrões

Editora Arqueiro

Ler o post

Quinze Dias

Editora Globo Alt

Ler o post

Anuncio

Tudo e Todas as Coisas (Nicola Yoon)


Madeline tem dezoito anos e nunca saiu de casa. Quando era apenas um bebê foi diagnosticada com imunodeficiência grave, ou seja, qualquer coisa com que ela tenha contato pode gerar uma crise e mata-la. Ela vive em uma casa com ambiente muito bem controlado, como uma bolha, e as únicas pessoas com quem tem contato são a sua mãe – que é médica – e uma enfermeira.

Tudo o que ela pode fazer é não desejar mais do que pode ter. Mesmo que não possa ter uma vida normal, como uma adolescente qualquer, Maddy aprendeu a não pensar nos sonhos que nunca poderá realizar.

O que ela não esperava é que seus novos vizinhos pudessem colocar a abaixo todas as suas expectativas de viver sem o desejo de sair da sua bolha. Quando o garoto mais bonito que ela já viu desce do caminhão com a família, será impossível controlar a sua curiosidade.

Se a minha vida fosse um livro e eu o lesse de trás para frente, nada mudaria. Hoje é o mesmo que ontem. Amanhã será o mesmo que hoje. No Livro de Maddy, todos os capítulos seriam o mesmo. Até Olly aparecer.

Madeline passa os dias acompanhando a rotina dos vizinhos, ansiosa para saber mais sobre o Olly e acabam tornando se amigos pela Internet. Ele é um garoto divertido, inteligente e gosta dela. O que se torna um risco, pois ela percebe que está desejando mais do que jamais poderia ter, o mesmo que ele também deseja.

Olly irá despertar a sua vontade de viver de verdade e não apenas sobreviver a cada dia como obrigada a fazer desde que descobriu sua doença. Maddy que ser feliz, ela quer um amor igual aos dos livros que ela tanto lê. Ela quer, ao menos uma vez, saber qual a sensação de estar do lado de fora da sua bolha e amar.



A edição publicada pela Editora Arqueiro é puro amor. Além de trazer a capa do filme que já está em cartaz nos cinemas, traz fotos incríveis do filme e ilustrações que irão te fazer rir e incentivar a continuar a história. A leitura é bem rápida, terminei no mesmo dia, e você irá se apaixonar pela Madeline e o Olly.

É uma história que te fará repensar tantas coisas e aprender que "se você não tem do que se arrepender, é porque não está vivendo".



@oventodoleste