Última resenha

Último livro lido

Último livro lido

Só uma explicação...

Estive pensando em várias formas de começar esse texto, mas a verdade é que eu nunca serei capaz de colocar em palavras tudo o que venho pensando e sentindo nos últimos dias. Ainda não sei o que vou escrever aqui, não sei o que quero escrever, mas sei que de alguma forma tudo isso poderá me ajudar algum dia. No último dia 9, perdi a pessoa que mais amo nesse mundo: minha mãe. Há alguns posts, contei a você sobre o problema de saúde da minha mãe. Posso dizer que o último ano foi de bastante luta. Foram várias consultas, vários exames, vários diagnósticos até chegar ao verdadeiro problema. Talvez um pouco tarde demais, mas eu nunca vou saber. Aos poucos vi minha mãe deixando de ser quem ela sempre foi, perdendo um pouco a cada dia para a doença. Nos últimos dias ela havia piorado e as dores…

Leitura Coletiva para começar bem 2021

Ei, como você está? 2020 foi um ano que me desanimou muito e o meu ritmo de leitura caiu absurdamente. Não cheguei nem perto de completar a minha meta de leitura. Parecia que não valia a pena insistir em algo enquanto o mundo estava uma loucura. Para ajudar, me desanimava ver os comentários nas redes sociais de gente que tinha aproveitado ao máximo a quarentena para colocar as leituras em dia, enquanto eu não conseguia sair de um livro de pouco mais de 200 páginas que havia começado há um mês e meio. Demorou mas eu entendi que o pior erro do leitor é tentar comparar o seu ritmo com o de outros. Isso acaba criando um bloqueio e diminuindo ainda mais a nossa produtividade. Por isso, resolvi que este ano eu levaria as minhas leituras com mais tranquilidade e buscaria outras formas de me ince…

Um Sherlock por semana

Ei, como você está? Passei a virada do ano pensando em coisas que eu poderia mudar em 2021. O ano que terminou me deixou bastante afastada do blog. A pandemia, o trabalho e os problemas de saúde da minha acabaram por levar todo o tempo livre que me restava. Com o final do ano, resolvi que precisaria me organizar melhor para dar conta de tudo o que está acontecendo por aqui. Afinal, o blog sempre foi algo que me fez feliz e me divertia. Tenho certeza que isso não mudou. Bom, talvez tenha mudado a forma como eu quero manter o blog, mas a vontade de compartilhar um pouco das coisas que gosto e me deixam feliz continua presente. Por isso, decidi listar coisas que quero compartilhar com você e que poderiam mostrar um pouco mais sobre quem eu sou . Toda minha vida é um esforço para escapar do t…

[Lançamentos + Bate-papo] Os livros da Faro Editorial para encerrar 2020

Oi! Como você está? Faz algum tempo desde o útimo post no blog, mas algumas coisas aconteceram por aqui. Algumas me deixaram sem tempo, outras sem ânimo e, a última, me deixou longe do trabalho e com tempo de sobra para estar mais presente. Mas isso é assunto para outro post. Por ora, quero mostrar a vocês as últimas novidades do ano pela Faro Editorial. 2020 está chegando ao fim, com dois anos de parceria com a editoria. Não sei se estaremos juntos no próximo ano, mas foram dois anos repletos de novidades, de boas histórias, boas edições e, por mais que este ano tenha nos tirado o prazer de estarmos todos juntos, tivemos bons eventos também. Desde o começo da quarenta cada um lidou da melhor forma que pode. Todas as editoras tiveram que mudar sua forma de trabalhar. Talvez mudar não sej…

[Resenha] Nunca saia sozinho, de Charlie Donlea

Charlie Donlea , autor dos sucessos “ A Garota do Lago ” e “ Não Confie Em Ninguém ” está de volta com um thriller assustador e cheio de reviravoltas, dando continuidade ao livro ” Uma Mulher na Escuridão ”, publicado no ano passado também pela Faro Editorial. Estamos no verão de 2019, na Escola Preparatória Westmont , um internato conceituado na pequena cidade de Peppermill, Indiana. Uma escola de elite que não tinha uma única mancha em seu histórico. Os alunos eram tratados com rigor e preparados para enfrentar a vida. Mas algo estava prestes a acontecer. Um jogo sombrio acabou com dois alunos assassinados e um professor acusado. A cena do crime parecia um verdadeiro massacre. O corpo de Andrew Gross foi encontrado em meio a uma poça do seu próprio sangue dentro da antiga casa de hóspe…

[Resenha] Édenbrooke, de Julianne Donaldson

Marianne Daventry é uma moça inteligente, bonita, mas infeliz. Sua mãe havia morrido em um trágico acidente que acabou separando toda família. Sem saber como lidar com o luto, seu pai havia decido por separar as filhas. Marianne foi enviada para ficar a sua avó na entediante Bath , enquanto Cecily foi viver em Londres. Cecily Daventry  era sua irmã gêmea, mas em nada lembrava Marianne. Era linda, refinada e gostava dos luxos e prazeres que Londres oferecia. Enquanto isso, Marianne era feliz no campo, onde se sentia completamente livre para ser quem realmente era. Viver em Bath com a avó era um tormento. O lugar não trazia felicidade e sua avó estava disposta a lhe ensinar a ser uma verdadeira dama. Pensando no que lhe aguardava se continuasse na casa de sua avó, Marianne aceitou o co…