Vento do Leste

Um mundo literário com doses do cotidiano

Destaques

Imagem de capa do card
[Resenha] Eu Perdi o Rumo, de Gayle Forman

É uma história que une três pessoas que se sentem perdidas, mas que vão descobrir que não estão sozinhas.

Ler o post
Outras postagens
Imagem de capa do card
As 10 capas mais bonitas da minha estante
Ler o post
Imagem de capa do card
Mulheres marcantes na literatura #2
Ler o post

Últimas resenhas

Últimas resenhas

Eu Perdi o Rumo

Editora Arqueiro

Ler o post

O Jardim Esquecido

Editora Arqueiro

Ler o post

Por uma Questão de Amor

Editora Novo Século

Ler o post

Uma noiva para Winterborne

Editora Arqueiro

Ler o post

Uma Dama Fora dos Padrões

Editora Arqueiro

Ler o post

Quinze Dias

Editora Globo Alt

Ler o post

Anuncio

Estrelas da Sorte (Nora Roberts)

"Estrelas da Sorte" é o primeiro livro da série "Os Guardiões" da Nora Roberts. Traz mais uma história empolgante e contagiante. Com uma escrita simples e rápida a autora ganhou a minha atenção nas primeiras páginas.



Estrelas da Sorte
Nora Roberts
Editora Arqueiro

Sinopse: Sasha Riggs é uma artista assombrada por sonhos que transforma em pinturas maravilhosas, cenas que preveem o futuro. Ela nunca conseguiu assumir seu dom, mas desta vez não consegue ignorar as visões que a atormentam e viaja para a ilha grega de Corfu.

É lá que encontra as pessoas com quem sonha: um mágico, um arqueólogo, um viajante, um lutador, um solitário. Elas também foram atraídas por uma força inexplicável. Dotadas de habilidades extraordinárias, cada uma terá um papel fundamental na aventura que as espera: encontrar as míticas Estrelas da Sorte, que caíram do céu, pondo em risco o destino de todos os mundos.

Sasha é quem os mantém unidos e vê no mágico, Bran Killian, um homem de imensa compaixão. Ela tem dificuldade para lidar com sua vidência, mas Bran está lá para apoiá-la. Porém, os dois não devem desviar sua atenção da missão, pois uma ameaça sombria procura corromper tudo que está no caminho para alcançar as estrelas.

Sobre o livro

A história começa com Sasha Riggs, pintora, jovem e que vive fugindo dos seus sonhos. Enquanto vive em uma casa afastada, dentro da floresta, Sasha coloca no papel e em telas todas as imagens que a perseguem durante o sono. Com as imagens ganhando força em sua mente, Sasha percebe que não ficará em paz enquanto não seguir os seus instintos. Através dos seus desenhos ela sabe com quem deve estar, para onde ir e sabe que é lá que precisa estar mais do que nunca.


Antes que pudesse desistir, Sasha chega a Corfu, na Grécia, e logo o destino trata de lhe apresentar as cinco pessoas que povoam os seus sonhos: Rigley Gwin, Bran Killian, Sawyer King, Annika Waters e Doyle McCleary. Todos atraídos para a mesma ilha de forma inexplicável. Cada um com seus segredos, mas com o mesmo objetivo: encontrar as estrelas.

Aos poucos Sasha vai descobrindo o seu destino. Agora ela sabe o que procurar, junto com o grupo que está sempre presente em suas visões. Diz a lenda que três estrelas foram criadas por três deusas como um presente para a nova rainha. Uma quarta deusa desejando ter o poder das estrelas para si prometeu que as encontraria e controlaria todos os mundos.

A missão de encontrar e proteger cada estrela foi passada de geração em geração e agora cabe aos seis evitarem que a quarta deusa as encontrem. Cada um com seu dom: a vidente, uma arqueóloga, um mágico, um viajante, uma lutadora e um solitário. Precisam confiar uns nos outros para encontrarem o que procuram.

Sasha também sabe desde que decidiu seguir as suas visões, ela e Bran possuem um vínculo forte. Ela o via com paixão em seus sonhos, mas tem medo do que possa significar seguir um amor em meio a uma batalha. Ela sente como se o destino esteve escolhendo por ela e o final dessa história não parece bom.


O que eu achei?

"Estrelas da Sorte" segue o mesmo padrão da última série da autora publicada pela Editora Arqueiro: "A Sina dos Sete". Nela você irá encontrar também um grupo predestinado a deter o mal e proteger o que foram destinados a encontrar. Uma receita que funcionou muito bem com a última série e que neste primeiro livro da série "Os Guardiões" já provou que também funcionará muito bem!

A história fluí de maneira leve e sem forçar demais os acontecimentos ou descobertas. Tudo é apresentado de uma forma que você pode acompanhar e assimilar cada pedacinho sem muito esforço e sem perder nada. Não é uma história óbvia, apesar dos clichês que estão presentes.


Neste primeiro livro, a ideia é conhecer melhor a história de cada personagem e criar um vínculo entre os personagens. Não falo apenas de vínculos amorosos, mas da amizade. Os seis são pessoas acostumadas a viverem e trabalharem sozinhos. Com exceção de Sasha, todos já buscavam sozinhos pelas estrelas, sem dividir ideias e perigos. E esse é o desafio deste livro: unir pessoas que jamais tinham se encontrado antes. Neste ponto, Sasha será o elo que manterá o grupo unido. Uma trama bem construída e que vale a leitura!

Agora, espero ansiosamente pelos próximos livros!

@oventodoleste