5 motivos para ler 'Uma Dama Fora dos Padrões'


A resenha desse livro já saiu há algum tempo aqui no blog, mas no clima de final de ano e para quem ainda não garantiu o presente de Natal ou está procurando uma nova série para acompanhar, resolvi criar uma listinha com alguns pontos altos do primeiro livro da série sobre 'Os Rokesby'.

1- A Autora
Julia Quinn é uma das maiores autores de romances de época na atualidade. Seus livros já atingiram a marca de 10 milhões de exemplares vendidos e foram traduzidos para 29 países. Certamente não posso escolher apenas uma autora como a melhor do gênero, mas está entre as melhores!


2- A protagonista
Billie Bridgerton é uma jovem totalmente fora da curva! A maioria dos livros desse gênero já trazem protagonista com mais liberdade e que buscam agir fora da caixinha, mas Billie é a representação da mulher feminista na história. Não existem limites sobre o que é feito por mulheres (da época) e o que é feito por homens. Para ela, qualquer coisa que queira é capaz de fazer, mesmo que o resultado não seja como o esperado, ela não tem medo de arriscar e agir como acha ser o certo.

3- George Rokesby
Ele é o mocinho da história, um completo cavalheiro que muitas vezes faz com que você tenha raiva dele. Mas aí que está, o personagem é o primogênito e foi criado para manter a reputação e fortuna da família. George foi cercado de regalias e impedido de crescer como os seus irmãos. Isso o persegue durante toda a história e apesar de não trazer o mesmo brilho que a Billie ele traz um ar diferente para o que esperamos do mocinho perfeito.

Além disso, com o desenrolar da história, George se torna o único capaz de enxergar quem Billie realmente é. Por mais que ela pareça durona, independente e irresponsável, George percebe a fragilidade que ela tanto quer esconder.


4- Críticas a sociedade
Só o fato de Billie ser a protagonista da história já é uma crítica e tanto aos padrões exigidos pela sociedade da época. Mas durante a história a autora dá algumas alfinetadas no comportamento esperado por todos na sociedade, não apenas das mulheres como dos homens também.

5- O romance
Não é nenhum spoiler, se você vai ler esse livro já deve saber que Billie o George ficam juntos. Isso está na sinopse e é o clichê desse gênero, então nada de novo aqui. Mas a forma como o relacionamento entre os protagonistas vai se desenvolvendo é que conquista o leitor. Billie e George vivem como cão e gato, um alfinetando o outro quando pode. Ainda assim, há respeito entre eles e isso fica evidente conforme a história vai chegando no seu ponto alto.


Comentários

  1. Muito bom a indicação desse livro, sinceramente não o conhecia, mas parece um livro perfeito para colocar na lista de próximas leituras de 2019. Acho interessante livros que abordam os personagens de forma tão marcante e com características tão próprios, é um jeito de quebrar padrões e outra, romances me conquistam do começo ao fim, me deixam curiosa e fascinadas como o amor é a medida certa para todas as páginas.
    Beijos
    www.luaintensa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, Luana!
      Espero que você possa ler esse livro em algum momento. Foi uma história que me divertiu justamente por deixar de lados os padrões e trazer personagens diferentes! Espero que você goste tanto desse livro como eu gostei! <3

      Beijos

      Excluir
  2. Uau só motivos convincentes!! Me sinto tentada a ler esse livro. Se acha facilmente em livrarias virtuais?

    ResponderExcluir
  3. Sempre vejo falarem muito bem da Julia Quinn e tenho umas amigas que são loucas pela série d'Os Bridgertons, mas eu não gosto muito de romance de época. Gostei da sua resenha, é bem convincente. Seria esse um livro pra quebrar esse meu receio com esse tipo de literatura?
    ;*

    ResponderExcluir
  4. Desde que li sua resenha desse livro tenho me coçado para ler hehehe. Nem precisava de todos esses motivos para me convencer hehehe.

    ResponderExcluir
  5. A protagonista me lembrou mto a Maitê, da série Gran Hotel! AMMOOO aquela mulher e adoro temas sobre mulheres independentes assim. Já coloquei na minha wishlist! <3

    ResponderExcluir
  6. Já fiquei curiosíssima pra ler esse livro, ainda mais pelas características empoderadas da protagonista. Já vai pra minha lista dos livros de 2019! Beijos

    www.conceitoit.com

    ResponderExcluir
  7. Parece ser um bom livro. Quem não ama um clichê que mesmo sendo cliche foge um pouco disso, né? Hehehe

    ResponderExcluir
  8. Achei a capa desse livro tão bonita *-*
    Eu pisco e essa autora lança 10 livros haha. Não costumo ler romances de época (só li os da Carinha Rissi), mas de tanto que uma amiga fã da autora me fala dela eu até fico com vontade de ler, mesmo achando tudo meio clichê.
    Gostei do formato do post listando os motivos para a leitura. Só fico me perguntando se essa não é um spin off de algum outro livro de uma série de romances de época.
    beijos :*

    ResponderExcluir
  9. Ahhh, eu amo livros de época e esse parece ser ótimo <3
    beijos, Iza
    https://meioruiva.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Quem escreve

Michelly Melo.

25 anos dividindo uma vida entre a paixão pelos livros e a vontade de ser escritora.

Redes sociais

Busca

Já curtiu nossa página?

Editoras parceiras

Seguidores

Resenhas

Um marido de faz de conta

Editora Arqueiro

Ler o post

Ilha de Vidro

Editora Arqueiro

Ler o post

Justiça a qualquer preços

Editora Arqueiro

Ler o post

A Grande Solidão

Editora Arqueiro

Ler o post

As Irmãs Grimm #3

Editora Novo Século

Ler o post

Vox

Editora Arqueiro

Ler o post
@oventodoleste
Subir